Shogun afiará Wrestling com Mark Muñoz e Boxe com treinador de Pacquaio

Dida e Shogun continuarão treinando juntos (Foto UFC)

As últimas apresentações de Mauricio Shogun no octógono do UFC foram analisadas por sua equipe e uma decisão foi tomada: o ex-campeão do Pride e do Ultimate terá que buscar novos treinos nos Estados Unidos.

Com essa ideia, André Dida, principal treinador da fera, montou uma espécie de intertemporada para que seu atleta aperfeiçoe ainda mais suas técnicas.

“O Shogun é um cara que sabe tudo sobre MMA, treina bem em todas as áreas, mas observamos que ele tem que buscar ainda mais conhecimento, ter mais atividades, novos treinos. Isso é sempre bom para qualquer atleta, e com o Shogun não será diferente”, disse o treinador, em entrevista à TATAME.

Na última vez que treinou fora do país, Mauricio Shogun não deu chances para Forrest Griffin na primeira edição do UFC Rio, em agosto de 2011, depois de passar meses treinando com Rafael Cordeiro na Kings MMA. Desta vez, sua ida para o exterior terá diversas escalas, aprimorando, além de outras áreas, seu jogo de Wrestling, ponto mais vulnerável em seu jogo. Peso médio do UFC e grande amigo de Dida, Mark Muñoz marcará presença nos treinos. Entretanto, a reta final de sua preparação será feita em Curitiba.

“Ele terá excelentes treinos de Wrestling lá fora, vai evoluir muito. Conversamos com o Mark Muñoz em Seattle e ele ficou animado para treinar com o Mauricio novamente. Eles treinaram juntos na Kings MMA, e foi por lá que nossa amizade aumentou também. Trocamos muitas experiências. Mas o Mauricio também irá treinar com o Jacob Rocha, um cara que treina o Wrestling dos americanos na faculdade, então é um treino completo de Wrestling. Os alunos dele têm grandes resultados na Califórnia, ganham tudo. Vai ser uma ótima experiência para o Mauricio”, acredita.

A expectativa é que Shogun embarque para os Estados Unidos em fevereiro, após carnaval. Por lá, ele não encontrará com Rafael Cordeiro, uma vez que o treinador estará no Brasil nas gravações do TUF Brasil 2.

Foco também no Boxe

Roach é o atual treinador de Pacquiao (Foto Showtime)

Dono de um Muay Thai agressivo, Mauricio Shogun ganhou o mundo com seus nocautes avassaladores. Em sua última luta, porém, ele não conseguiu derrubar a barreira imposta por Alexander Gustafsson e sua maior envergadura. Ligado nisso, Dida também viu a necessidade de aprimorar as técnicas de trocação do curitibano.

“Lá nos Estados Unidos, o Shogun treinará também com o Freddie Roach, que é o treinador de Boxe do Manny Pacquiao. O poder de nocaute do Mauricio é muito grande, seu Muay Thai é muito afiado, e achamos que esses treinos vão deixá-lo com uma pegada em pé ainda mais forte”, analisa.

Além de ser o responsável pela nobre arte de Pacquiao, Freddie Roach já trabalhou também com Oscar De La Hoya e Virgil Hill, ex-campeões mundiais. No MMA, ele trabalhou arduamente com Georges St-Pierre para o duelo contra Josh Koscheck, no UFC 124. Roach já treinou ainda com Anderson Silva e Tito Ortiz.

Sem previsão da próxima batalha

Shogun ainda não tem data para voltar ao octógono (Foto UFC)

A temporada de treinos de Mauricio Shogun nos Estados Unidos é o único foco do atleta e de sua equipe. Julio Heller, empresário do lutador, revelou, também em bate papo com a TATAME, que ainda é cedo para pensar no próximo desafio de Shogun no UFC.

“Estivemos em São Paulo no final de semana, acompanhando o UFC, e me encontrei com o Lorenzo Fertitta. Ele me disse que o Mauricio representa muito para o evento. Ele disse também que já tem pensado na próxima etapa para o Mauricio no UFC, mas ainda não conversamos sobre isso”, disse Julio.

Notícias relacionadas